Navigation | Seiteninhalt | Zusätzliche Informationen

Seiteninhalt

Presse-Information

May 26, 2020

Nova data da InnoTrans para abril de 2021 é acolhida favoravelmente

A decisão de adiamento da InnoTrans de setembro de 2020 para o período de 27 a 30 de abril de 2021 conta com o forte apoio da indústria da mobilidade. A InnoTrans regista um feedback totalmente positivo relativamente ao adiamento para abril de 2021.

"Estamos muito satisfeitos por podermos proporcionar, através desta medida complexa e difícil, uma alternativa adequada à grande maioria dos expositores", explica Matthias Steckmann, Vice-presidente Sénior da Messe Berlin.

 

A nova data de realização da InnoTrans está marcada para meio ano após a data inicialmente prevista de setembro de 2020 e proporciona segurança de planeamento aos expositores e aos visitantes profissionais. A InnoTrans seguinte regressará no espaço de um ano e meio, estando prevista para setembro de 2022.

 

"De uma forma geral, é muito satisfatório que a maior parte dos expositores tenha acolhido favoravelmente a nova data apontada para abril de 2021 e que possam utilizar a clássica plataforma de marketing da feira comercial como um novo começo pós-coronavírus. Ficou claro desde o início que algumas empresas da indústria, devido à crise do coronavírus e aos impactos associados, poderão continuar sem participar em abril de 2021. Esta situação é extremamente lamentável para as empresas afetadas e temos procurado apoiar quem conseguimos. É ainda mais agradável o facto de o atual nível de reservas se situar ao nível da InnoTrans 2018. Tal demonstra claramente que a indústria está unida e a trabalhar afincadamente para a InnoTrans de abril do próximo ano. No geral, a elevada procura, que ainda estava a ser sentida no início do ano, foi reduzida. Ainda assim, utilizaremos todo o centro de exposições de Berlim. Estamos especialmente felizes pela estreia do hub27", afirma Kerstin Schulz, diretora da InnoTrans.

 

As associações encaram a nova data da InnoTrans como uma perspetiva estratégica

 

As principais associações da InnoTrans apoiam a necessidade de um adiamento e demonstram um espírito otimista:

"A decisão difícil, mas totalmente correta de adiar a InnoTrans transmite uma mensagem forte e com duplo significado. Em primeiro lugar, a proteção da saúde está em primeiro plano. E, em segundo lugar, esta feira líder global gera uma perspetiva estratégica. Isto porque garantir a Clean Mobility do futuro, juntamente com parceiros de todo o mundo continua a ser a nossa missão e é disso que se trata a InnoTrans 2021", afirma Dr. Ben Möbius, Diretor Executivo da Associação Alemã da Indústria Ferroviária (VDB), associação registada.

Os membros da Zentralverband Elektrotechnik- und Elektronikindustrie (ZVEI) também se manifestaram de forma positiva: "O adiamento da InnoTrans deste ano não foi uma decisão fácil. A feira é vista como a montra para novas tecnologias e novos desenvolvimentos da maior importância. Ainda assim, a decisão que a Messe Berlin tomou em conjunto com a ZVEI e outras associações é a decisão correta. Isto porque as pessoas devem ser a prioridade de qualquer boa feira, tanto a nível da saúde como do bem-estar. A nova data de 27 a 30 de abril de 2021 é uma boa opção e proporciona às empresas associadas da ZVEI uma segurança de planeamento. A InnoTrans tem, há vários anos, um enorme sucesso enquanto feira líder internacional para engenharia de tráfego e continuará a ter uma evolução positiva, independentemente da atual pandemia do coronavírus. Estou convencido disso", declara Olaf Zinne, Diretor da Plataforma Smart Mobility da ZVEI.

A Administradora Executiva do Deutschen Verkehrs Forum (DVF - Fórum alemão dos transportes), Dr. Heike van Hoorn, também sublinha a necessidade do adiamento, bem como a consequente segurança de planeamento proporcionada aos expositores: "Adiar não é cancelar! Saudamos o facto de a Messe Berlin realizar futuramente a feira líder internacional para engenharia de tráfego da InnoTrans com uma nova data fixada. Em vez de cancelar este evento tão importante para as indústrias das vias ferroviárias, autocarros e transportes públicos devido às limitações relacionadas com o coronavírus, a Messe Berlin anunciou um novo período de realização, de 27 a 30 de abril de 2021. Desta forma, os expositores dispõem de um planeamento a longo prazo. O DVF já está ansioso por esta data e também estará representado em abril com fóruns de diálogo no local. Mas, antes disso, iremos certamente realizar os dois eventos de diálogo planeados com a nossa parceira Messe Berlin, nos dias 23 e 24 de setembro de 2020, por via digital. Assim, mantemos o lugar reservado para setembro de 2020."

Também o presidente da indústria ferroviária europeia UNIFE, Phillipe Citroën, aplaude a nova data: "É lamentável que a InnoTrans 2020 tenha sido adiada, mas tal era necessário para a segurança pública, uma vez que a crise provocada pela COVID-19 continua. A UNIFE está feliz por se reunir, em abril do próximo ano, com os seus talentosos colegas de todo o setor ferroviário em Berlim, de forma a debater o "Ano Europeu do Transporte Ferroviário", a apoiar o Pacto Ecológico Europeu e a discutir os resultados do recente World Rail Market Study. Os nossos membros estarão também presentes, de forma a apresentar as suas inovações mais recentes, as quais estabelecerão a espinha dorsal da próxima geração de mobilidade sustentável."

 

 

A indústria apoia a nova data da InnoTrans

 

"Com a crise provocada pelo coronavírus, encontramo-nos numa situação crítica que coloca grandes desafios às empresas de todo o mundo. A situação é excecionalmente dinâmica e exige a tomada de decisões, as quais nem sempre são fáceis, mas são urgentes e necessárias. O nosso principal objetivo é proteger todos os nossos colaboradores, clientes e parceiros. Tal só é possível se conseguirmos diminuir a velocidade de propagação do vírus e, desta forma, atenuarmos a dinâmica da doença. Por este motivo, do nosso ponto de vista, a única decisão correta era adiar a InnoTrans", afirma Voith.

 

A Berliner Verkehrsbetriebe BVG também manifestou compreensão pelo adiamento: "Lamento que a InnoTrans tenha de ser adiada, mas é compreensível. Enquanto pioneiro no teste de soluções de mobilidade complementares, a partilha com pessoas da mesma opinião na indústria da mobilidade e na política é extremamente importante para nós. Desta forma, estamos ansiosos pelo mês de abril de 2021 e por novas dinâmicas da área Mobility+", afima Dr. Martell Beck, Diretor de Vendas, Marketing e Digitalização da BVG.

 

A Knorr-Bremse reconhece a importância da InnoTrans enquanto plataforma internacional da mobilidade graças ao adiamento para a primavera de 2021: "A feira de engenharia ferroviária mais importante a nível global "InnoTrans", com expositores de todos os países do mundo e com um tráfego turístico intensivo apresenta, no panorama da crise provocada pela COVID-19, o risco de transmissão de infeções", afirma Mark Cleobury, membro da direção da Knorr-Bremse Systeme für Schienenfahrzeuge GmbH. "Para que a natureza da feira enquanto fórum mundial seja conservada e para possibiltar a participação na mesma, apoiamos o adiamento para o ano de 2021."

 

Sobre a InnoTrans

A InnoTrans é a feira líder internacional para engenharia de tráfego que decorre de dois em dois anos em Berlim. 153 421 visitantes de 149 países participaram nos últimos eventos em 3062 expositores de 61 países sobre as inovações da indústria ferroviária global. Os cinco segmentos da feira da InnoTrans incluem Railway Technology (Tecnologia ferroviária), Railway Infrastructure (Infraestruturas ferroviárias), assim como Public Transport (Transporte público), Interiors (Interiores) e Tunnel Construction (Construção de túneis). A organizadora da InnoTrans é a Messe Berlin. A 13.ª edição da InnoTrans terá lugar de 22 a 25 de setembro de 2020 no centro de exposições em Berlim. Mais informações disponíveis online em www.innotrans.com.